Imprensa internacional repercute ação policial que resultou em 25 mortes, em MG

Mídia estrangeira destacou o arsenal de guerra apreendido com os suspeitos e a violência que eles costumam empregar nos assaltos em cidades pequenas

A operação policial resultou na morte de 25 suspeitos de roubos a bancos neste domingo em Varginha, Minas Gerais, ganhou repercussão na imprensa internacional. A mídia estrangeira destacou a violência que os assaltantes costumam empregar em suas ações e para o arsenal encontrado com eles.

Na Alemanha, o Bild afirmou que “este caso é grave mesmo para os padrões sul-americanos”. O jornal lembrou que os mortos era suspeitos de planejar um assalto nos próximos dias. Em seu site, o grupo de mídia RND afirmou que esta foi “provavelmente a maior operação contra ladrões de banco organizados da história do país sul-americano”.

A rede de televisão americana ABC lembrou que a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal apreenderam “um verdadeiro arsenal de guerra”, incluindo metralhadoras .50, rifles, explosivos e coletes à prova de balas.

O francês Le Figaro ressaltou que grupos de ladrões fortemente armados têm recorrentemente espalhado terror por cidades do interior do país, com a utilização de armamentos pesados e planejamento cuidadoso.

O jornal La Sexta, da Espanha, lembrou do termo “cangaço“, utilizado para se referir aos grupos que cometem os mega-assaltos no interior do país.

Na Inglaterra, o The Guardian destacou que apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) comemoraram a morte dos suspeitos. A publicação britânica classificou Bolsonaro como “um populista pró-armas com apoio significativo nas forças de segurança” e que foi eleito prometendo linha dura no combate ao crime.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *