Covid 19 em Ituiutaba só está aumentando

O Boletim Covid-19, divulgado nesta quarta-feira (29), pela Secretaria Municipal de Saúde de Ituiutaba, através do Departamento de Epidemiologia, registrou quinze novos casos da doença obtidos por Antígeno (14) e RT-PCR (1).

Vinte e dois leitos de UTI mantidos pelo SUS estão disponíveis nesse momento, sem pacientes tijucanos graves hospitalizados por conta da doença.

O fato aqui, é que algo está fugindo novamente do controle, e um exemplo deste descontrole pode ser visto nos últimos Boletins Epidemiológicos que vêm sendo publicados pela Secretaria de Saúde do Município.

Saindo de um boletim divulgado no domingo (26/12), pela SMSI, que registrou nesta data apenas um novo caso da doença.

Número este que só fez aumentar. No dia 27/12) quando foram registrados 9 casos; dia (28/12) 14 novos casos, e nesta quarta-feira (29/12) 15 novos casos. Ou seja, em apenas 4 dias, o número de infectados pela Covid 19, passou de 39 casos, coloquei 39, porque ainda existem aqueles que imaginam ou não sabem que está com a Covid 19, pensando que seja apenas uma gripezinha.

Será que isto tem explicação? Talvez, já que foram realizados vários eventos na cidade, como shows, que registraram a presença de um grande número de pessoas.

Acredita-se que está na hora de voltar aquela velha consciência, que mesmo que em casa você possa pegar o vírus, mas a máxima continua, que é evitar o contato, as aglomerações, usar máscaras, manter o uso do álcool em gel. Estas atitudes ainda são os melhores remédios.

O importante e se cuidar, e ainda mais nas festivas de final de ano. O que podemos deixar de bom, é desejar que todos se protejam, e que curtam as festivas, mas que o pensamento maior seja que 2022, chegue com as melhores notícias, e que todos possam ser felizes. Feliz 2022, a todos os nossos amigos, colaboradores, leitores!!!    

“O apoio da população é fundamental para o enfrentamento à Covid-19, sendo extremamente importante o uso das máscaras de proteção, a higienização das mãos e o distanciamento social”, nota da SEMS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.