Mais uma pesquisa aponta queda da intenção de votos entre Lula e Bolsonaro

Mais uma rodada de pesquisa sobre a intenção de votos nas eleições presidenciais deste ano aponta para crescimento do percentual dos entrevistados que pretendem votar na reeleição do presidente jair Bolsonaro (PL).

As intenções de voto em Bolsonaro estão em alta. Pelo segundo mês consecutivo, pré-candidato ganhou três pontos percentuais, conforme pesquisa realizada pela Quaest e Genial Investimentos, divulgada nesta quinta-feira (7/4).

Na pesquisa estimulada, quando os nomes são apresentados aos entrevistados, Bolsonaro está em segundo lugar na corrida presidenciais com 29%, a 15 pontos de Lula, que permanece com 44% das intenções de votos.

Na sequência, aparecem Sergio Moro (União), 6%; Ciro Gomes (PDT), 5%; André Janones (Avante), 3%; João Doria (PSDB), 1%; e Simone Tebet (MDB), 1%. Não souberam, brancos e nulos somaram 5%. Indecisos, outros 5%.

Sem Moro

Em um segundo cenário estimulado, sem a candidatura de Sergio Moro, os 6% do ex-ministro migraram 2% para Bolsonaro, 1% para Lula, 1% para Ciro Gomes, e 1% para João Doria. Nesse desenho, Lula marcou 45%; Bolsonaro, 31%; Ciro, 6%; Janones, 2%; Doria, 2%; Tebet, 1%. Não souberam, brancos e nulos somaram 6%. Indecisos, outros 6%.

Segundo turno

Nas entrevistas sobre um eventual segundo turno, Lula ganhou em todas os cenários. A vitória mais apertada seria sobre Bolsonaro, ao passo que a mais folgada seria contra Doria. Lula derrotaria Bolsonaro por 55% a 34%. Contra Moro, Lula faria 55% a 25%. Contra Ciro, 55% a 22%. Contra o tucano Eduardo Leite, 58% a 17%. Contra Doria, 58% a 16%.

A pesquisa Genial/Quaest fez 2 mil entrevistas pessoais com eleitores a partir de 16 anos entre 1º a 3 de abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais. O nível de confiança é de 95%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.