Ministro confirma ao dep. Weliton Prado prioridade na contratação de projeto para pavimentação dos 12 km da Br-364, entre Gurinhatã e Campina Verde

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, confirmou ao deputado federal Weliton Prado (PROS), membro da Comissão Mista de Orçamento, que é prioridade a obra de pavimentação dos 12,6 km da BR-364, entre Gurinhatã e Campina Verde, beneficiando ainda Ituiutaba e toda a região do Pontal.

Segundo o parlamentar, o Aviso de Licitação foi publicado para contratação de empresa especializada que vai elaborar os estudos e projetos básicos e executivos de engenharia para a pavimentação. O aviso do edital foi publicado no Diário Oficial da União no dia 25/10, e estará disponível em 30/11, após a análise das minutas do edital e do contrato pela procuradoria federal e aprovação da licitação pelo DNIT.

Prado havia solicitado ao ministro que confirmasse a data para contratação do projeto durante visita a Minas Gerais, para a entrega do Complexo Viário do Taiaman (BR-365/MG), outra importante obra concluída e retomada em 2019 graças ao trabalho conjunto do ex-deputado Tenente Lúcio, que garantiu os recursos, e do deputado Weliton Prado que realizou as cobranças nos ministérios.

O ministro respondeu ao apelo e garantiu agilidade para que a obra da BR-364 comece o mais rápido possível. “Vamos contratar o projeto de engenharia e, quando ele estiver perto da conclusão, já vamos nos movimentar para licitar a obra de pavimentação. Esse é o resgate de uma dívida com a região que já se encaminha para solução”, afirmou Tarcísio de Freitas.

A pavimentação do trecho é uma luta desde 2010. Moradores e motoristas sofrem com o trecho de terra e chegam a ficar ilhados por causa da precariedade da BR-364. “Cobramos intensamente do governo federal em reuniões e requerimentos e sempre trabalhamos para que recursos do orçamento fossem incluídos para o início das obras. Finalmente mostramos a importância da pavimentação e vamos acabar com o abandono desse trecho. A BR-364 tem grande fluxo de veículos, caminhões e carretas. Os buracos e a falta de condições põem em risco a população que mora às margens da rodovia e motoristas que já chegaram a ficar dias isolados e atolados no trecho. Essa obra garante mais segurança e desenvolvimento ao Pontal”, explica Prado, que foi responsável por garantir os recursos e a inclusão da pavimentação da BR-154 no PAC, entregue à população em novembro de 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *