Autores de roubos são presos em duas ocorrências registradas pela PM em Uberlândia

Dois roubos foram divulgados pela Polícia Militar (PM) de Uberlândia entre as ocorrências registradas pela corporação na terça-feira (3). Um deles ocorreu no Bairro Nossa Senhora Aparecida e o outro no Bairro Guarani; confira abaixo.

Bairro Guarani

Por volta das 4h55 da manhã, a PM recebeu informações de que havia ocorrido um roubo próximo a uma casa lotérica na Avenida Taylor Silva e, de imediato, foram para o local onde as vítimas contaram que tinham descido do veículo e sido surpreendidas por dois assaltantes.

Segundo elas, após ameaças tiveram bolsa com cartões bancários e cerca de R$ 4 mil roubados pelos criminosos, que fugiram à pé em seguida.

Iniciado o rastreamento, os militares encontraram uma dupla com as características repassadas e conseguiram abordar um dos jovens, de 24 anos. Com ele foi encontrado R$ 413. O rapaz confessou o crime e indicou onde estava a arma usada pelo comparsa.

Quando a polícia chegou ao local, localizou um revólver calibre 22 com 7 munições intactas e uma faca. Próximo à região, os militares abordaram um homem de 31 anos. Durante a abordagem foram encontrados com ele R$ 271 e um celular. Ele foi detido e, posteriormente, as vítimas reconheceram a dupla através de fotos, como sendo autores do crime.

Em consulta ao sistema, a PM constatou que o homem tinha no nome dele um mandado de prisão em aberto na comarca de Uberlândia.

Ambos foram presos e levados para a delegacia, juntamente com o que foi apreendido.

Bairro Nossa Senhora Aparecida

Por volta das 17h05, um pedestre, de idade não informada, andava pela Avenida Brasil empurrando uma bicicleta quando foi parado por um adolescente de 15 anos que pegou o guidão e apontou uma arma no rosto da vítima.

Após o crime, o pedestre chamou a polícia, que fez monitoramento pelas câmeras da corporação e rastreamentos para localizar o criminoso. Na Avenida Comendador Alexandrino Garcia os militares viram uma pessoa suspeita com as características repassadas e quando foram fazer a abordagem, ela fugiu e chegou a jogar uma arma de fogo em uma residência.

Conforme a PM, houve perseguição e o suspeito foi abordado no fim da Rua São Paulo. Durante buscas na casa em que o garoto estava próximo, foi localizada pela polícia a réplica usada no roubo e, em seguida, o adolescente confessou o crime.

Em consulta ao sistema, a polícia ainda constatou que o menor de idade já era suspeito de outro roubo cometido no dia 18 de abril, no Bairro Brasil e que tinha como característica agir com violência.

Diante dos fatos, o adolescente foi apreendido e levado para a Delegacia de Plantão. Para os militares, o adolescente afirmou que se ficar em liberdade, vai continuar a roubar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.